11 de agosto de 2014

Dicas para fotografar a SUPERMOON, sem ter um super zoom!

Reunimos neste domingo, dia 10 de agosto, uma galera amante da fotografia para apreciar e fotografar sob a luz da super LUA. o Encontro aconteceu na pista de aeromodelismo, em Itajubá.

Aproveitei e já levei meus filhos e agregados, pois o meu foco nunca vai ser somente a lua. Até porque eu não tenho uma super zoom (ou Ultra tele objetiva) tenho somente uma Canon EF 75-300mm e não acho o zoom dela suficiente para dar aqueles closes perfeitos na supermoon.

Experimentei outras situações usando, principalmente, a 50 mm 1.4 e aproveitei para reunir algumas dicas que servem tanto para fotografar sob a luz da lua como para todo tipo de fotografia noturna.

DICAS PARA FOTOGRAFAR A LUA CHEIA!

Separei algumas dicas para quem não tem uma super zoom e deseja fazer fotografias sob a luz da lua.

#1 - Tripé e afins: O tripé não pode faltar para fotografias noturnas. Mas se estiver sem, apoie a câmera num carro, numa pedra, fique sem respirar, etc. É importante também ter em mãos lanterna ou a luz de um celular que além de auxiliar a enxergar as configurações da câmera ainda podem ser usados nas fotografias criativas. 

#2 - A luz da lua: Eu particularmente acho que a luz da Lua causa um efeito dramático nas fotos, principalmente, quando ela ainda esta perto de montanhas, prédios ou nuvens esparsas.





#3 - Efeitos de dupla exposição: Com a ajuda de um tripé crie efeitos de dupla exposição. Deixe o obturador aberto e peça para seus "modelos" se locomoverem lentamente. Mas não se esqueça que para fotografar a Lua o tempo de exposição não pode ser muito longo, afinal ela está em constante movimento e corre o risco de sair borrada.

Tempo de exp. 1.6s - Abertura f1.4 - ISO 200
#4 - Light painting: Difícil não se encantar com o Light Painting, técnica de desenhar com a luz em longa exposição. Além de escrever palavras e fazer desenhos, você pode usar a luz de um celular ou lanterna para contornar objetos no escuro. Fica o máximo!!


#5 - Bokehs e Balanço de branco: Outra dica legal, se você estiver em um lugar alto com vista pra cidade, pode brincar com as luzes e com balanço de branco. 
Nas fotos abaixo eu usei um papel cartão com recorte de coração pra criar bokehs personalizados (veja como fazer). Outra coisa que fiz foi configurar o balanço de branco (WB - White Balance) para "Luz do dia" (o símbolo é um sol) e o resultado foram fotografias com em tons quentes.







To be continued...

[ ♥ ]

Nenhum comentário:

Postar um comentário